Volltext-Downloads (blau) und Frontdoor-Views (grau)

Sintagmas nominais contáveis e não-contáveis no alemão e no português brasileiro

  • O presente trabalho discute a classificação dos substantivos e/ou sintagmas nominais em contáveis e não-contáveis no alemão e no português do Brasil. Propomos um modelo de estrutura, válido para ambas as línguas, em que a contabilidade é construída composicionalmente em nível do sintagma nominal, mediante três traços sintático-semânticos: [±individuado], [±incrementado] e [±delimitado]. O valor do primeiro traço é fixado pelo quantificador, o do segundo, pelo número e o do terceiro, pelo substantivo. Na língua alemã, os três traços contribuem para a constituição da contabilidade, sendo o terceiro o traço menos importante. No português brasileiro apenas os dois primeiros mostram-se produtivos, enquanto o terceiro é irrelevante. Isso corresponde a dizer que não se distinguem substantivos contáveis e não-contáveis no léxico do português brasileiro. Para ambos os idiomas, as propostas são ilustradas com exemplos autênticos de uso.

Export metadata

Additional Services

Share in Twitter Search Google Scholar

Statistics

frontdoor_oas
Metadaten
Author:Hardarik Blühdorn, Luciene Simões, Márcia Schmaltz
URN:urn:nbn:de:bsz:mh39-33516
ISBN:9788574197692
Parent Title (Portuguese):Estudos linguisticos contrastivos em alemao e portugues
Publisher:Annablume ; Fapesp
Place of publication:Sao Paulo
Editor:Maria Helena Voorsluys Battaglia, Masa Nomura
Document Type:Part of a Book
Language:Portuguese
Year of first Publication:2008
Date of Publication (online):2015/01/08
Publicationstate:Preprint
Tag:Sintagma nominal; contabilidade; definitude; número; quantificação; referência
GND Keyword:Deutsch; Nominalphrase; Portugiesisch; kontrastive Grammatik
First Page:41
Last Page:82
Dewey Decimal Classification:400 Sprache / 430 Deutsch / 435 Deutsche Grammatik
Open Access?:ja
Leibniz-Classification:Sprache, Linguistik
Linguistics-Classification:Grammatikforschung
Licence (German):Es gilt das UrhG